Ir direto para menu de acessibilidade.
Acesse o canal do servidor
Início do conteúdo da página
INSTITUCIONAL

Ministério lança campanha de combate ao assédio moral e sexual

:: :
Publicado: Terça, 13 de Outubro de 2020, 18h51 | Última atualização em Terça, 13 de Outubro de 2020, 18h53

Iniciativa encoraja trabalhadores a denunciar pressão e constrangimento no local de trabalho; ações de conscientização serão realizadas ao longo do mês de outubro

Foi lançada, nesta terça-feira (13), a campanha de combate ao assédio moral e sexual no Ministério da Infraestrutura. Promovida pelo Comitê Técnico de Integridade da Pasta, com apoio da Secretaria Executiva, a campanha tem o propósito de chamar a atenção de servidores, funcionários e colaboradores sobre a importância do respeito ao próximo no ambiente de trabalho, além de esclarecer como se caracteriza o assédio moral e sexual, como evitar esse tipo de conduta agressiva e os meios para denunciar o problema.

Segundo o secretário-Executivo da Pasta, Marcelo Sampaio, a campanha de combate ao assédio moral e sexual é uma agenda de fundamental importância para o ministério. “O MInfra tem feito entregas expressivas na parte que nos cabe como missão, mas, além disso, nós temos buscado reforçar agendas muito importantes como a de ética, integridade e controles internos”, destacou Sampaio. “Por isso, temos a grata satisfação de lançar a campanha que toca em assuntos tão sensíveis com o objetivo de conscientizar e concretizar medidas que contribuam para um ambiente interno sadio”, finalizou.

O chefe da Assessoria da Especial de Controle Interno (AECI), Wagner Alessander, explicou que a campanha é fruto de um esforço em conjunto com a Controladoria-Geral da União (CGU). “Essa campanha é mais uma entrega prevista no Plano de Integridade do MInfra, onde constam os portfólios de ações propostas pelo Comitê Técnico de Integridade”, destacou Alessander. “O nosso foco é a prevenção de atos que não condizem com o respeito e a ética, e assim, evitar que os funcionários padeçam com qualquer forma de abuso”, afirmou.

Durante o lançamento da campanha, a professora Karla Valle, assistente social do Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro (TRT/RJ), apresentou uma palestra com o tema “Violência Laboral, Assédio Moral e Sexual: identificação, prevenção e combate nas relações sociais e de trabalho”. Ao final da exposição, o presidente da Comissão de Ética da Pasta, Daniel Oliveira, mediou um debate entre os participantes da live e a professora Karla Valle.

DENUNCIE - Participe do movimento a favor de um ambiente de trabalho cada vez mais respeitoso e propício para todos. Em caso de assédio, não se cale. Denuncie! Procure a Ouvidoria, localizada no térreo do edifício sede, ala sul. Você também pode ligar para o número (61) 2029-8090 ou enviar um e-mail para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.. Além disso, as denúncias podem ser realizadas por meio do atendente virtual Mauá, na página inicial do Portal da Infraestrutura.

Respeito Gera Respeito.

Assédio Moral e Sexual - Não aceite essa situação, procure ajuda!

Ministério da Infraestrutura
Assessoria Especial de Comunicação

 

Fim do conteúdo da página